27 de jan de 2013

Culinária educada

Todo final de semana, eu sou uma criatura de forno e fogão. É praticamente uma espécie de escravidão familiar. Ontem, a coisa ficou mais grave: até o meu horóscopo, na Folha de São Paulo, me mandou para a cozinha. Verdade! "Áries - Pela manhã e até o início da tarde, você pode se dedicar à família e às artes da culinária, preparando um gostoso almoço para os seus queridos [...]".

O que não tem solução, solucionado está, não é mesmo?! Lá fui eu para os supermercado e,  de lá, diretamente para a cozinha...

Ontem, ainda fui meio ogro. Fiz um arroz Ráris com carnes, cenoura e brócolis. Uma coisa meio paella natureba; ou, em bom português, meio mexidão. E garanto: não ficou nada mal...

Hoje, deixei meu lado ogro de lado e fiz um esforço danado para ser mais educado. Fiz um risoto de bacalhau, bem al dente, com champignon, tomate e ervilha. O resto, o habitual de todo risoto. Para acompanhar, abóboras assadas com alho e alecrim; e tomate pelado apimentado, refogado no azeite. No capricho...

Nenhum comentário: