13 de nov de 2012

Férias futebolísticas


Esse ano foi só baixaria... A esquadra azul não jogou nada vezes nada. Nada! A torcida azul ainda aprontou, dando um exemplo vergonhoso de falta de civilidade. Pra piorar, as panteras passaram a jogar como gente grande. Eu sou um cruzeirense alucinado, mas não sou cego: ver o tal do R49 e o tal do Bernard jogar não estava fácil. E não adiantava secar. Nada! A turma estava afiada. Aí vira aquela coisa: você tem que torcer para o pó-de-arroz, a cada rodada você tem que montar um novo plano de ataque [torce para o Grêmio ganhar, para o Bahia perder e etc...], uma confusão sem fim. Mas enfim: estou livre! Fui salvo pelo ex-cruzeirense Fred e sua absurda eficiência dentro da área adversária. Como bem se disse, as panteras terminaram na mesma posição do Cruzeiro: em primeiro lugar, ficou o Fluminense, com 100% de chance de ser campeão; em segundo, o resto, com 0% de chance de levantar a taça. E tem mais: "se pra frente eu não vou nem um palmo, pra trás, eu não vou nem um dedo". Se é pra cair pra segundona, que vá o Palestra paulistano; o mineiro, nunca!

Agora, vou cuidar só de F1!

3 comentários:

Stefano Venuto Barbosa disse...

Sua hora vai chegar Flávio, Dr.Gilvan garante!

Anônimo disse...

Ano que vem o time azul de Belo Horizonte deve fazer uma reforma geral; uma lavagem completa no time, igual a cãmara municipal SL. Só assim prá esperar alguma coisa prá fazer as nossas PÁGINAS HERÓICAS IMORTAIS. ABRAÇO AMIGO CELESTE

Róridan disse...

Rapaz, acho que a pré-Libertadores de 2013 ainda nos reserva muitas alegrias!...