31 de ago de 2012

'Expansão imobiliária constrói periferia desigual'


Estudo revela: sem reforma urbana efetiva, simples construção de novas moradias não assegura serviços públicos de qualidade — e pode expulsar parte da população para regiões ainda mais distantes

O artigo de Bruna Romão [AQUI] refere-se, mais particularmente, à Região Metropolitana de São Paulo, mas pode ser, com muita propriedade, estendido para outras cidades do país. Para os leitores deste blog interessados em questões urbanas, recomendo sua leitura. Em vários aspectos, ele é convergente com algumas teses que tenho defendido aqui.

Nenhum comentário: